24 de fev de 2015

Resenha: Harold e Maude: Ensina-me a viver


Título: Harold e Maude: Ensina-me a viver 
Autor: Colin Higgins
Nº de páginas: 142
Editora: Record



Olá, leitores! Estou de volta com a resenha de um romance bem diferente e cativante. Trata-se de Ensina-me a viver, de Colin Higgins.

Harold Chasen é um jovem de 20 anos que vive com a mãe, Sra. Chasen e possui muito dinheiro, herdado de seu falecido pai. Sra. Chasen é frequentadora da alta sociedade e educou Harold para ser um cavalheiro e um homem nobre, porém as coisas saíram um pouco do eixo.
Tudo seria perfeito se Harold não tivesse tendências... suicidas. 
Ele forja e encena suicídio várias vezes, mas Sra. Chasen, já acostumada, não se abala com as encenações de Harold. Ela tenta fazê-lo um jovem normal, mas todas suas tentativas são em vão.
Com toda a sua morbidez, Harold adora assistir funerais e demolições. Em um desses funerais, ele conhece uma velhinha muito simpática de 79 anos, chamada Maude. O que ele não sabia é que essa senhora mudaria sua vida radicalmente.
Uma senhora de quase 80 anos apaixonada pela vida faz amizade com um jovem suicida de 20 e o ensina a valorizar a vida, o que ela nos oferece de melhor e pequenos valores, gestos e situações do cotidiano humano que as pessoas desaprenderam a apreciar. Porém, Maude tem um jeito um tanto peculiar de viver e isso encanta a quase todos a sua volta, inclusive Harold. 
A partir daí nasce uma linda história que toma rumos incríveis e Maude nos encanta com seu jeito imprevisível, radical e ao mesmo tempo, tenro. Ela não muda apenas as concepções de Harold, mas também a concepção do leitor. É uma obra incrível, deliciosa de ler e quase obrigatória.

O livro já foi peça teatral  aqui no Brasil estrelado pela diva Gloria Menezes e foi adaptado para o cinema em 1971. A história fez muito sucesso, pois além de os personagens principais chamarem atenção por seus aspectos, há reais lições de vida durante o livro, mas sem autoajuda ou falso moralismo. Isso é o mais encantador da história.
Se você quiser dar uma conferida no trailer do filme, vou disponibilizá-lo aqui, muito embora eu tenha acabado de assisti-lo e posso assegurar que, por melhor que tenha sido a adaptação, não chega aos pés do livro (lógico). Os diálogos recorrentes ao longo da narrativa são perfeitos, e muitos foram cortados no filme. Mas dá uma olhadinha no trailer pra dar mais vontade de ler o livro:




Espero que eu tenha conseguido despertar em vocês certa curiosidade acerca do livro, tenho certeza que uma vez lido, sua vida nunca mais será vista da mesma forma por você.



Enjoy it!

4 comentários:

  1. Não conhecia a obra, que é super interessante por sinal. Estou lendo apenas livros em outros idiomas para praticar, mas caso eu encontre ele em inglês ou espanhol eu dou um chance. kk

    http://www.pampilho-ordinario.com/

    ResponderExcluir
  2. Procura ele em Inglês, a leitura é ótima, super leve. Já tive contato, mas li mesmo em Português.

    ResponderExcluir
  3. Oi Nathália, tudo bom?
    Não conhecia o livro e confesso que a capa não chamou muito a minha atenção, mas adorei a sinopse e a sua resenha.
    A historia parece realmente cativante <3
    Grande beijo ♥

    Thati Machado;
    http://nemteconto.org

    ResponderExcluir
  4. Oi Thati! Realmente, a capa é meio "caidinha", mas é um livro e tanto! iuahsiuhasa
    Beijocas!

    ResponderExcluir

Próxima Página